💡 Como consertar LÂMPADA de LED QUEIMADA! Isso NINGUÉM ENSINA

💡 Como consertar LÂMPADA de LED QUEIMADA! Isso NINGUÉM ENSINA

⚡️ AULA GRATUITA: Como Fazer Uma Instalação Elétrica Completa do Zero, Com Facilidade, Mesmo que Você Não Seja Um Eletricista Profissional:
https://eletr.co/aula?utm_content=yt1-vd577 />——

📣 COMUNIDADE FAAALA ENGEHALL 📣
Junte-se à nossa comunidade no WhatsApp para receber dicas e novidades valiosas na área elétrica, informações importantes e muito mais. 😉
👉
https://eletr.co/fala-eng?utm_content= />——

Gostou desse vídeo? 😍
✔️ Deixe seu comentário e compartilhe com os amigos
✔️ Siga nossas redes ➽
https://eletr.co/links
– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Como consertar LÂMPADA de LED QUEIMADA! Isso NINGUÉM ENSINA

O que você faz quando as famosas lâmpadas de LED simplesmente param de funcionar e não estão mais na garantia?

Bom pessoal, esse vídeo nasceu de uma ação social realizada por um amigo que juntava diversas lâmpadas de led com defeito, consertava e doava para uma instituição de caridade… Bacana demais, né?!

Então se você quer saber como consertar essa coisinha aqui, se inscreve logo no nosso canal, ativa o sininho das notificações e deixe o seu like porque o vídeo de hoje está imperdível… Bora lá?!?!

Pessoal, eu recomendo esse procedimento apenas para você fazer na sua casa ou para quebrar o galho de alguém em último caso. Agora se for para um cliente, você já sabe que a qualidade e garantia do serviço está acima de qualquer “recurso técnico”, correto? Então não vai sair por aí se aventurando, colocando em xeque a sua mão de obra!!

Bom, as lâmpadas de led possuem em seu interior um circuito eletrônico com o conversor AC/DC que alimenta essa quantidade de leds que varia de acordo com a potência e o fabricante.

Em geral, cada LED possui níveis de tensão de 1,6 a 3,3 Volts e opera em série com os demais, que lembra um pouco aquelas lâmpadas de árvores de natal, ou seja, quando uma queima várias deixam de funcionar.

Bora lá botar a mão na massa e mostrar como resolver isso? Vem comigo!!

Primeiro passo é retirar o bulbo da lâmpada! Esse daqui soltou muito fácil, mas sugiro que você utilize uma chave de fenda, mas tome muito cuidado para não quebrar a lâmpada..

Segundo passo é energizar a lâmpada. Se você conseguir montar uma extensão com receptáculo para conectá-la vai facilitar bastante o procedimento.

Terceiro passo é ajustar o multímetro e medir a tensão contínua nesses cabos que saem do conversor AC/DC que chegam nessa parte central. Isso mostra que realmente o problema pode estar em um dos LEDs. Aqui nós encontramos 55 Volts que foram divididos nesses 24 leds.

Quarto passo é pegar um clips e conectar uma das pontas na entrada e a outra na saída de cada led para verificar qual deles está queimado. Há também a possibilidade de utilizar uma fonte de 3 Volts e testar LED por LED no sentido correto. Reparem aqui que dois deles estão com esse problema. Inclusive cerca de 90% dos defeitos nessas lâmpadas são justamente por esse motivo.

Feito isso, você deve desenergizar o circuito, retirar a lâmpada e depois retirar o led queimado. Notem que o led dessa lâmpada estava bem colado…

Depois é só soldar com estanho essa parte sem o led de forma que a entrada e saída sejam interligadas para fechar o circuito interrompido. Utilizamos esse suporte plástico para nós auxiliar. Macete hein?!

Em alguns casos você pode guardar a primeira lâmpada queimada para reutilizar os LEDs que ainda estão bons nas próximas lâmpadas que tiverem defeito.

Solda realizada, fizemos o encaixe do bulbo, rosqueamos a lâmpada e por fim fizemos o teste. Olha que maravilha!!

Pessoal, lembrando que como o circuito foi construído para ter todos os LEDs em operação, a medida que você vai soldando essas entradas e saídas, a corrente em série do circuito aumenta e com o passar do tempo esses LEDs podem se queimar, ok?! O ideal seria substituir por outro led ou um resistor para equilibrar a corrente e tensão.